[ editar artigo]

Pizzaria: como a tecnologia pode alavancar o seu negócio

Pizzaria: como a tecnologia pode alavancar o seu negócio

O Brasil abriga diferentes povos, culturas e, é claro, culinárias. Em praticamente todas as zonas habitáveis do país nós vemos comércios do ramo alimentício, sejam pequenos restaurantes que servem comida caseira ou grandes redes de fast food.

Um tipo de alimento que caiu no gosto dos brasileiros são as massas e, entre elas, estão inclusas as pizzas. Muitos donos de pizzaria se mantêm presos a velhos hábitos que, muitas vezes, podem não ser tão benéficos para a produtividade do negócio. Para contornar esse fator, é importante explorar novos horizontes, e tomar conhecimento sobre como a tecnologia aplicada às pizzarias pode alavancar o seu negócio é um passo fundamental a ser tomado.

Neste artigo você vai conhecer os benefícios da adoção de novas tecnologias para a produção e o gerenciamento dentro da sua pizzaria. Vamos lá?

Por que modernizar?

O nosso mundo está em constante evolução, e os efeitos da globalização afetam diretamente diferentes nichos comerciais, incluindo o ramo alimentício. Constantemente, diferentes tecnologias vêm sendo desenvolvidas para apoiar pequenos, médios e grande estabelecimentos.

Em meio a toda essa constante mudança, muitos tendem a manter algumas tradições e se recusam a modernizar. Mas tudo poderia mudar graças a uma simples pergunta: Por que modernizar?

A modernização dos processos de uma empresa, seja qual for o nicho no qual ela atua, traz para ela, basicamente, benefícios em duas principais áreas: a produtividade e a economia.

No que diz respeito à produtividade, as tecnologias possibilitam a automatização de processos de produção e gestão; já no tocante à economia, há uma relação direta com o corte de gastos com recursos humanos — que, em algumas ocasiões, podem ser substituídos por recursos tecnológicos.

Para que os benefícios do uso de tecnologias possam ser analisados de modo quantitativo e qualitativo, é necessário pensar a longo prazo.  

Inovação é sinônimo de sucesso: a tecnologia aliada à sua pizzaria

Dependendo da região em que seu estabelecimento funciona, poderá haver concorrência, muita concorrência. E, para lidar com a competitividade do mercado, nada melhor do que inovar. A inovação traz um diferencial ao seu negócio e pode aumentar a satisfação dos seus clientes, garantindo a eles uma maior comodidade e qualidade no atendimento.

Mas, então, como o uso de tecnologias pode ser aplicado à sua pizzaria?

Dentre as tecnologias disponíveis no mercado, existem aquelas que facilitam a realização de tarefas que requerem o uso de equipamentos e aparatos físicos, e aquelas que lidam com ferramentas lógicas, como sistemas de informação e aplicativos, por exemplo.

Tecnologias para o preparo de alimentos

Uma tendência entre o ramo das pizzarias está sendo a substituição da mão de obra especializada por máquinas. Os métodos tradicionais de preparo de pizzas estão ficando cada vez mais ultrapassados!

A ExpoPizzaria, convenção anual que teve sua 8ª edição em julho deste ano, reúne grandes nomes do ramo de pizzarias e visa promover a disseminação de conhecimentos sobre o tema e introduzir novas tecnologias a empresários e entusiastas.

Uma das atrações da ExpoPizzaria é a apresentação de máquinas, novas técnicas e recursos que prometem remodelar todos os conceitos populares que se relacionam ao preparo de pizzas. Dentre as categorias apresentadas, algumas merecem destaque e, por isso, vamos apresenta-las aqui nesse artigo.

Tomate desidratado

Há alguns anos, cada vez mais pizzarias vêm adotando o uso do tomate desidratado em suas receitas. Isso não é à toa, uma vez que, segundo próprios empresários do ramo,  o produto tem maior rendimento do que sua versão artesanal.

Enquanto a versão artesanal exige um certo trabalho por parte do pizzaiolo, envolvendo a seleção das melhores peças e a retirada de polpas — além de um tempo de preparo que pode chegar a até quatro horas —, a versão desidratada requer apenas a adição de água fervente à mistura, com o tempo de preparo podendo levando cerca de um minuto.

Adotar o uso do tomate desidratado na sua pizzaria pode ser excelente opção para economizar tempo e ampliar a possibilidade de oferta de pizzas por hora. Imagine só quantos clientes não sairiam satisfeitos com o preparo rápido em um dia de grande movimento?

Preparo da massa e substituição do forneiro

Algumas empresas vêm se especializando no desenvolvimento de máquinas que servem justamente para modelar e facilitar o preparo das massas, automatizando esse processo.

Além de também dispensar o uso de mão de obra especializada, a preparação de massas usando modeladores automáticos faz com que a produção das pizzas seja padronizada e mais ágil, ajudando a aumentar a produtividade do negócio.

Também há disponível um tipo de máquina que promete substituir forneiros na hora de rodar as pizzas dentro do forno. Tais máquinas, conhecidas como “Multi-Pizzas”, são constituídas por bases circulares que giram 360 graus ao redor do próprio eixo, garantindo o aquecimento homogêneo da pizza. As Multi-Pizzas ainda trazem o benefício de rodar mais de uma pizza por vez, com alguns modelos no mercado suportando até quatro unidades simultâneas.

Fornos tecnológicos

Não é incomum encontrar pizzarias que ainda utilizem fornos a lenha e para preparar suas pizzas; no entanto, a tendência é que o uso desses equipamentos se reduza drasticamente, devido ao fato de os fornos a lenha estarem começando a serem substituídos por fornos de esteira.

Além de dispensar o uso de mão de obra — que consome parte da sua renda mensal —os fornos de esteira ainda garantem uma alta produtividade para a sua pizzaria. Há modelos de diferentes tamanhos que podem produzir até 180 pizzas por hora.

Sistemas de informação

A sua pizzaria se beneficia não com o uso de máquinas tecnológicas, mas também com sistemas informatizados.

Uma ferramenta extremamente útil para todos os tipos de estabelecimentos, sejam eles de pequeno ou grande porte, são as ferramentas de apoio à gestão. Elas geralmente são bem completas e abrangem uma série de áreas dentro do seu negócio: podem cuidar desde a gestão de ingredientes até o cadastro de pessoas no sistema. Que tal dar uma olhada em como essas ferramentas podem atuar dentro da sua pizzaria?

Controle de estoque

Fazer o controle de estoque com um caderno e uma caneta é uma metodologia nada produtiva. Além de estar suscetível a erros humanos, é um processo de difícil otimização se você não investir no uso de tecnologia.

Bons sistemas de gestão trazem consigo subsistemas que realizam o gerenciamento de estoque. Eles permitem, inclusive, o registro de ingredientes no sistema pelo uso de dos códigos de barras. Se apoiando nessas tecnologias, fica muito mais fácil e prático realizar o controle do que entra e sai do seu estabelecimento, além de te deixar a par das suas necessidades  de produtos para os próximos dias.

Recursos Humanos

Uma pizzaria não depende só dos seus ingredientes, certo? Também é importante lidar com a recursos humanos.

Os sistemas mais modernos de apoio à gestão possibilitam que você gerencie facilmente seus funcionários. Isso ajuda no controle de entrada e saída deles (a famosa batida de ponto), além de conter informações como telefones para contato, endereço e outros dados relevantes.

Cadastro de clientes

Dependendo da sua regra de negócio, pode ser útil você ter um sistema para o cadastro de clientes. Esse cadastro te ajuda a visualizar quem são seus clientes mais assíduos e é bastante útil pra quem trabalha com ofertas promocionais após um determinado número de compras por parte do consumidor.

Também há o fato de que, tendo os dados dos seus clientes registrados, você poderá facilmente entrar em contato com eles para transmitir avisos importantes ou divulgar outras informações.

Cardápio e garçons

Até mesmo os cardápios e o serviço de mesa podem se beneficiar com o uso da tecnologia.

Alguns estabelecimentos estão disponibilizando smartphones e tablets em suas mesas. Graças às telas compactas desses aparelhos, os clientes podem sentar à mesa e selecionar os seus pedidos sem precisar da presença de um garçom. Isso agiliza, e muito, o processo de atendimento e ainda ajuda a evitar transtornos.

Presença digital e Aplicativos

Atualmente, a maioria das pessoas possui contas em redes sociais e um smartphone. Você pode se aproveitar disso para atrair novos clientes e gerar uma maior intimidade com aqueles que já são fiéis ao seu negócio.

A presença digital está cada vez mais em alta em todos os nichos de mercado. Sua pizzaria pode se beneficiar desse fator. Já pensou, por exemplo, em criar um site ou uma página virtual para ela?

O uso de aplicativos também pode ser uma boa opção. Uma onda crescente no ramo alimentício são os aplicativos de entrega rápida. O bom aqui é que você não necessariamente precisa contratar uma equipe para desenvolver um aplicativo próprio para o seu estabelecimento. Muitas ferramentas de uso coletivo encontram-se disponíveis para parcerias, como é o caso do Ifood.

Conclusão

Como você pôde ver, o uso da tecnologia tem altas chances de garantir uma melhora significativa no rendimento do seu negócio. Vale ressaltar que você não precisa, necessariamente, abraçar integralmente o uso da tecnologia. Pode ser interessante combinar o uso da mão de obra qualificada com as diferentes tecnologias disponíveis no mercado.

Gostou das dicas? Você pode ler mais artigos como esse no site do Guru da Pizzaria. Nele você vai encontrar posts feitos especialmente para donos de pizzaria e pizzaiolos.

GuruDaPizzaria
Ler matéria completa
Indicados para você